Top 6 torneios de artes marciais totalmente loucos

Top 6 torneios de artes marciais totalmente loucos
Não há nada que encante mais as velhas tendências de primatas como dar a alguém um bom e velho punho na cabeça.

Certamente você já ouviu aquele ditado popular que diz que tem louco para tudo no mundo. Pois de acordo com algumas artes marciais isso parece mesmo ser verdade.

Se você tem alguma dúvida em acreditar nesse sábio ditado popular, este artigo vai definitivamente tirar-lhe toda e qualquer dúvida e provar-lhe que no mundo tem mesmo louco para tudo.

Veja alguns dos mais bizarros e totalmente loucos torneios de artes marciais que ocorrem ao redor do mundo e que o vão fazer rir e deixar pasmado.

6. Hip Show




O Hip Show é uma das muitas artes marciais criadas pelos russos. Além de muita violência, o espetáculo conta com um locutor que parece ter saído do filme de Jogos Vorazes.

Aliás, todo o resto parece ter uma inspiração nessa franquia. O torneio envolve vários lutadores que entram numa arena cheia de obstáculos. Eles são divididos em equipas de dois e quando o espectáculo começa, eles saem correndo pela arena uns atrás dos outros.

5. Knight Fighting Leagues




Os lutadores equipam-se com armaduras medievais, pegam em espadas e machados e vão para um cenário decorado como se fosse a idade média. Inclusive os golpes são baseados nesse período temporal.

Essas ligas de cavaleiros lutadores, em tradução livre, são mais populares na Europa (obviamente porque evocam um período da história desse continente), com especial incidência no leste europeu, especialmente na Polónia.

4. Liga da luta de travesseiro


Este é todo um novo conceito em luta de travesseiro. Porque se você leu isso e deu gargalhadas, pensando em como algo do tipo poderia estar aqui nesta lista sangrenta, você não sabe de nada ainda. A ideia de fazer uma luta de travesseiros profissional aconteceu no Canadá.

Mas não se impressione com o título “profissional”. Essas lutas são completamente arbitrárias e improvisadas. Na verdade, os travesseiros são muitas vezes a única coisa que impede os lutadores de se desfigurarem.

3. TFC: Team Fighting Championship




O MMA disparou em popularidade assim que os homens, e muitas mulheres também, descobriram como é divertido ver dois caras a combater loucamente. Mas, às vezes, só dois caras não é suficiente para uma audiência sedenta por ação.

Uma experiência como a TFC descaracteriza a arte marcial e deixa espaço só para a porradaria no estilo “salva-se quem puder”. Essa nova modalidade de MMA tem regras padrão de MMA, exceto num pequeno detalhe: em vez de um-contra-um, o TFC possui equipes de cinco-contra-cinco.

Você pode reconhecer esse esporte emergente pelo seu nome mais comum: “guerra de gangues”. Numa luta do TFC, ninguém tem tempo para estudar ninguém, a ideia é basicamente bater loucamente e salvar-se se puder.

2. Paredão




As lutas ao estilo “paredão” foram criadas pelos russos, que as adoram desde do século XVII. Atualmente a prática não é tão letal como era no passado, mas ainda assim não é uma coisa muito bonita de se ver.

Basicamente, esta luta é composta por dois grandes grupos e um sai a correr na direção do outro. E aí é bater ou levar. Parece uma frente de guerra medieval, mas é a diversão de fim de semana de muitos russos.

1. Dambe




Historicamente praticado por carniceiros por causa do seu papel ritualístico na cultura nigeriana, o Dambe sobreviveu até aos dias de hoje. Embora haja um torneio oficial sancionado onde os lutadores usam algo parecido com luvas de boxe

Os lutadores de Dambe geralmente enrolam uma das suas mãos em camadas de corda – mas apenas uma. A mão sem corda é usada para agarrar o adversário, enquanto a outra com corda fica livre para atingir o adversário. [Hypescience, Cracked]
PARTILHE
loading...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Enviar um comentário