Beber água pode melhorar desempenho mental

Beber água pode melhorar desempenho mental


Beber água pode ajudar a melhorar o desempenho mental, pelo menos em certos testes do cérebro, sugere um pequeno estudo.

No estudo, os participantes que beberam cerca de três xícaras de água (24 onças, ou 775 mililitros) antes de fazer uma bateria de testes cognitivos tiveram melhor desempenho num teste que mede os tempos de reação em comparação com aqueles que não beberam água.

Esse achado foi particularmente verdadeiro para as pessoas sedentas. Os pesquisadores especulam que a sensação de sede pode afastar um pouco a atenção para longe da tarefa em mãos, e, assim, prejudicar o tempo de resposta.

Estes resultados sugerem que a "libertação de recursos de atenção" ocorre quando as pessoas saciam a sua sede, escreveram os pesquisadores num artigo publicado a 16 de julho na revista Frontiers in Human Neuroscience.

No entanto, o consumo de água nem sempre pode melhorar a cognição. Num teste em separado da, os participantes realmente saíram-se melhor se não bebessem água antes do teste. Pesquisas futuras devem tentar explicar por que a água potável parece ter efeitos benéficos em alguns casos, mas efeitos negativos em outros, disseram os pesquisadores.

"Pode ser que os processos fisiológicos [de beber ou não água] afetem o desempenho em tarefas diferentes de formas diferentes", disse a pesquisadora do estudo, Caroline Edmonds, da University of East London, em Inglaterra.

"A sede pode levar a um melhor desempenho em algumas tarefas", porque a hormona vasopressina, que ativa a resposta da sede, também tem sido associada à atenção e excitação, disse Edmonds à LiveScience. Estudos anteriores em adultos sugerem que a desidratação pode diminuir o desempenho mental, e estudos em crianças têm sugerido que o consumo de água pode melhorar a memória.

No novo estudo, 34 adultos foram convidados a abster-se de comida ou bebida a partir das 21:00, e entraram num laboratório no dia seguinte para o teste. Os participantes visitaram o laboratório duas vezes: Numa ocasião, foi-lhes oferecida uma barra de cereais no café da manhã junto com a água, e noutro dia, foi-lhes oferecida uma barra de cereais sem água.

Para o teste de reação, os participantes tinham que pressionar um botão assim que viam um objeto na tela do computador. Os tempos de reacção foram 14% mais rápidos entre o grupo com água do que o grupo sem água.

O consumo de água não afetou significativamente o desempenho noutros testes de cognição, como a memória de palavras. É importante notar que é possível ter-se uma overdose de água - conhecida como intoxicação por água - que ocorre quando a água dilui o sódio no sangue.
PARTILHE
loading...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Enviar um comentário