Estranha luz detectada na superfície de Marte (com vídeo)

Estranha luz detectada na superfície de Marte (com vídeo)

O rover Curiosity da NASA detectou e filmou uma estranha luz a emanar da superfície de Marte. [Top 5 descobertas feitas pelo Curiosity]


Apesar de estranha, a luz não parece ter a ver com OVNIs, sendo que os cientistas da NASA, mesmo sem uma explicação detalhada, acreditam que o flash brilhante de luz visível em Marte pelo rover Curiosity a 2 e 3 de Abril quase certamente tem uma explicação perfeitamente normal.

"Uma possibilidade é que a luz seja o brilho de uma superfície rochosa a reflectir o sol. Quando essas imagens foram tiradas, o sol estava na mesma direção que o ponto brilhante, a oeste-noroeste do rover, e relativamente baixo na céu", afirma Justin Maki, da NASA.

"A equipe também está olhando para a possibilidade de que os pontos brilhantes possam ser luz solar que atinge o CCD [charge-coupled device] da câmera diretamente através de um orifício na caixa da câmera, o que aconteceu anteriormente em outras câmeras quando a geometria da luz do sol que entra em relação à câmera está precisamente alinhado", acrescentou Maki.



As fotos a preto-e-branco, que foram tiradas pela câmera de navegação do Curiosity, parecem mostrar um pequeno flash de luz brilhante ao longe, na frente de uma cratera que domina o horizonte.

Os ufólogos saltaram imediatamente sobre as imagens, divulgando-os como possíveis evidências de vida avançada em Marte. 

O Curiosity já encontrou anteriormente outras peculiaridades em fotos. Por exemplo, em dezembro, sugeriu que uma imagem panorâmica havia capturado um "rato marciano" agachado entre duas rochas. [Rocha 'aparece' misteriosamente em frente a um veículo em Marte]

O suposto roedor marciano é um exemplo de um fenómeno psicológico chamado pareidolia, que se refere à tendência do cérebro humano em perceber formas familiares em imagens vagas ou aleatórias, dizem os especialistas. [O que é a Pareidolia?]

A luz de Marte é algo diferente, já que não é um produto da imaginação. No entanto, as chances são muito pequenas de que a luz seja um sinal de vida em Marte, dizem os pesquisadores, especialmente porque o flash não é visível em imagens do mesmo local tomadas do lado esquerdo.

Outros cientistas sugeriram que o flash pode ser resultado de um raio cósmico em movimento rápido atingindo a navcam do lado direito. Tudo isso não quer dizer que a vida nunca existiu em Marte, é claro.

O Curiosity já encontrou evidências de um antigo sistema de rios e lagos, o que sugere que o planeta vermelho poderia ter suportado vida microbiana há bilhões de anos atrás. [Space]

Recomendado pelo editor:

PARTILHE
loading...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

4 comentários:

  1. Ora bola! Desde quando se pode confiar nas declarações da NASA?. Alias acreditar em qualquer órgão americano, é de uma burrice extrema!

    ResponderEliminar
  2. Nunca acredite na NASA , existe vida inteligente em outros planetas sim .

    ResponderEliminar
  3. Eh, Eh, Goku!!!

    ResponderEliminar
  4. e por qual motivo nos seriamos os unicos seres de todo o universo ?

    ResponderEliminar