Supercomputadores descobriram plástico que se auto-cura (com video)

0
Supercomputadores descobriram plástico que se auto-cura (com video)
A primeira nova classe de polímeros descoberta em mais de 20 anos pode mudar tudo.

O novo plástico, descoberto por supercomputadores da IBM, é semelhante ao plástico termoendurecível atualmente usado para fazer o seu telefone inteligente.

É um material incrivelmente leve, resistente a embates e ao calor, mas uma vez feito não pode ser derretido novamente e, portanto, não pode ser reciclado.

Mas esta nova classe de polímeros, chamado polyhexahydrotriazine, ou PHT, retém todas as propriedades positivas, e também pode ser totalmente revertido ao seu estado base com ácido sulfúrico, que, como relata a ExtremeTech , é essencialmente livre.

Ele também é capaz de se auto-curar. Como o vídeo abaixo mostra, pedaços de polímero reunem-se para criar um todo, mas, eventualmente no futuro quebra aleatoriamente ao longo de diferentes juntas.



PHT, que foi descrito na revista Science, começou como um acidente, quando a química Jeanette Garcia criou uma solução em que, surpreendentemente, o seu balão endureceu e era tão forte que não podia ser esmagado com um martelo.

Ela não tinha ideia de como tinha feito isso, então ela trabalhou com a IBM e seus supercomputadores para descobrir a reação chave. O culpado era uma reacção entre o paraformaldeído e 4,4-oxidianilina, ambos já vulgarmente utilizados na produção de polímeros.

No futuro, este polímero novo e surpreendente pode levar a outros polímeros ainda mais complexos (e muito mais amigos do ambiente), podendo vir a ser usado em telefones inteligentes, aviões e até naves espaciais. [Sciencealert]
Temas

Enviar um comentário

0Comentários
Enviar um comentário (0)