Insónia aumenta risco de suicídio

http://www.ciencia-online.net/2013/02/insonia-aumenta-risco-de-suicidio.html
Pesadelos e crenças pouco saudáveis sobre o sono podem aumentar o risco de suicídio em pessoas que estão deprimidas, sugere um novo estudo.

Os resultados reafirmam pesquisas anteriores que ligam os problemas de sono a um aumento do risco de suicídio, e sugerem que os médicos devem atacar esses sintomas enquanto método de tratamento para reduzir esse risco, disseram os pesquisadores.

Crenças pouco saudáveis sobre o sono podem assumir várias formas: por exemplo, o pensamento de que uma má noite de sono vai perturbar o sono durante toda a semana, ou que a perda de sono terá consequências terríveis e irreversíveis. Tais ideias causam uma atmosfera de desesperança, uma emoção que os pesquisadores sabem estar ligada ao risco de suicídio.

"A insónia pode levar a um tipo muito específico de desesperança e desespero que por si só é um poderoso preditor de suicídio", disse o pesquisador W. Vaughn McCall, da Georgia Health Sciences University. Enquanto os fatores que contribuem para o risco de suicídio não são os mesmas para todos, "Para alguns pacientes, os problemas do sono são parte do perfil de sintomas", disse McCall.

Durante o estudo, McCall e os colegas examinaram 50 pessoas deprimidas com idades entre os 20 e os 84 anos, alguns dos quais estavam internados no hospital. Quase todos os pacientes estavam a tomar algum tipo de medicação psiquiátrica, e 56% tinham tentado o suicídio pelo menos uma vez na vida.

Os pesquisadores avaliaram o grau de insónia e os pensamentos suicidas dos participantes, bem como se eles experimentaram pesadelos ou crenças erradas sobre o sono. O estudo encontrou uma ligação entre insónia e pensamentos suicidas: Quanto mais grave a insónia de uma pessoa era, mais provável era ele ou ela expressarem pensamentos e desejos suicidas. 

No entanto, quando as pesquisas levam em consideração a existência ou não de pesadelos frequentes ou crenças erradas sobre o sono, a ligação desapareceu. Isso indica que estes dois fatores - pesadelos e crenças erradas  sobre o sono - têm um papel na ligação.

Estudos anteriores descobriram que as pessoas com insónia têm até duas vezes mais chances de cometer suicídio. Um estudo de 2011, em adolescentes, descobriu que aqueles que tinham problemas de sono nas idades entre 12-14 eram 2,5 vezes mais propensos a ter pensamentos suicidas nos seus últimos anos de adolescência.

Dependendo da pessoa, a insónia pode ser uma causa ou um efeito de depressão. A insónia pode exacerbar a depressão, porque as pessoas sentem que não podem encontrar alívio ou escapar da sua condição, mesmo à noite. "As pessoas ficam muito desanimados e desmoralizados por estarem com insónia noite após noite", disse McCall.

O novo estudo, junto com o trabalho anterior, sugere que as pessoas com insónia devem ser avaliadas para a doença mental, como depressão e o risco de suicídio, disse McCall. Tratar pesadelos ou crenças sobre o sono ​​com psicoterapia ou, talvez, medicação pode reduzir o risco de suicídio, mas estudos futuros serão necessários para investigar isso. 
PARTILHE
loading...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

4 comentários:

  1. Tenho insonia desde crianca uma x tentei o suicídio mas nao deu certo fico ate 7 dias sem durmir mesmo com medicacao Riss Exodus Diasepan.antigamente fazia o tratamento com alprazolan e venforin mas hj nao tenho condicoes financeiras e meu caso piora diariamente

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Preciso muito de ajuda

      Eliminar
    2. Eu posso conversar com vc... me manda seu email por aqui ;)

      Eliminar
  2. Perdi trabalho namorada e vontade de segiur em frente nao tenho mais vontade de sair.sera que tem alguem pra me ajudar

    ResponderEliminar