Nascimento dramático de estrela capturado por rádio-telescópio (fotos e video)

Nascimento dramático de estrela capturado por rádio-telescópio (fotos e video)


Um telescópio de rádio enorme no Chile detetou algumas vistas deslumbrantes de uma estrela bebé iluminando uma nuvem interestelar a cerca de 1.400 anos-luz da Terra.

O radiotelescópio ALMA, um projeto conjunto entre a América do Norte, a Europa e a Ásia, gravou as imagens de nascimento de estrelas. O objeto brilhante gerado pela estrela recém-nascida é o que os cientistas chamam de um objeto Herbig-Haro. 

A nova imagem de Herbig-Haro 46/47 (HH 46/47), produzida pelo telescópio ALMA, sendo o seu nome a abreviação de Atacama Large Millimeter/Submillimeter Array, revela dois jatos do material que fluem para longe da estrela recém-nascida, nunca antes detectada.

A instrumentação sensível do ALMA levou cinco horas para obter esses resultados. Fotos anteriores tiradas com outros telescópios não detectaram o segundo jato (laranja e verde), porque a poeira em torno da estrela obscureceu os resultados.


Astrónomos que observaram o objeto com o ALMA também foram capazes de medir a rapidez com que o material brilhante está a acelerar através do cosmos. O material ejetado está-se movendo em um ritmo muito maior do que o medido anteriormente, o que significa que o gás tem mais energia e força do que o esperado.

O radiotelescópio ALMA é um array de 66 de radiotelescópios individuais que criam um dos telescópios mais potentes já construídos. Cada prato é de até 12 metros de largura e pode pesar 115 toneladas. O esforço combinado dos telescópios permite aos cientistas ver os pontos turísticos celestes invisíveis à luz óptica, porque eles são mascarados por gás e poeira.

Nascimento dramático de estrela capturado por rádio-telescópio (fotos e video)

PARTILHE
loading...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários: