Os seres humanos podem cheirar 10 tipos de odores

Os seres humanos podem cheirar 10 tipos de odores


Desde a fruta e hortelã até às pipocas, todos os cheiros podem ser classificados como pertencendo a um de 10 tipos de aromas, dizem os cientistas.


Gosto, visão e audição podem ser quantificados, mas uma descrição sistemática do cheiro permaneceu incógnita. 

Agora, os pesquisadores usaram a matemática para descrever os odores de forma sistemática e simplificá-los em 10 categorias: perfumado, resinoso, frutado, químico, menta/hortelã, doce, pipoca, limão, picante e deteriorado.

"Quantos tipos fundamentais de qualidades de odor existem é uma questão em aberto", disse em comunicado Jason Castro, pesquisador da Faculdade de Bates. 

"Isto está em flagrante contraste com o gosto, o sentido irmão do olfato, onde sabemos que cinco qualidades básicas parecem organizar as sensações", acrescentou.

Castro e seus colegas usaram um banco de dados padrão de 1985, conhecido como Attlas de Perfis de Caráter de Odor de Andew Dravniek. Os perfis continham longas listas de descritores - como "doce", "floral" ou "pesado" - que as pessoas tinham avaliado em termos de aplicabilidade a 144 odores diferentes.

Usando estatísticas, os cientistas determinaram que as combinações de descritores eram mais comuns, sem serem redundantes. A técnica foi semelhante à compressão de um arquivo digital, que reduz o seu tamanho sem sacrificar as informações úteis.

A análise resultou em 10 grupos básicos de odor. Porquê 10? Poderia ter sido nove ou 11, mas 10 foi o menor número que ainda capturou as características interessantes do cheiro, afirmou Castro. O grupo está agora a aplicar os mesmos métodos a um banco de estruturas químicas para prever como cada produto químico vai cheirar. 

Ninguém foi capaz de fazer esse tipo de previsão com precisão, disse Castro, que espera futuro interesse das empresas de perfumes e fragrâncias. A pesquisa foi detalhada a 18 de setembro na revista PLoS ONE.
PARTILHE
loading...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Enviar um comentário