Programa de computador pode vencer qualquer um no Poker

Programa de computador pode vencer qualquer um no Poker

Desenvolvido por uma equipa de investigação do Canadá, este programa de computador pode vencer qualquer um no Poker.


Os computadores já descobriram como ganhar no xadrez, nas damas, no tic-tac-toe, e agora, um programa de computador conquistou o jogo de poker.

Uma equipa de investigação liderada por Michael Bowling, professor de ciência da computação na Universidade de Alberta, no Canadá, desenvolveu um programa de computador que pode jogar Poker melhor do que os seres humanos em jogos de dois jogadores.

Especificamente na modalidade de Poker heads-up Limit Hold 'em, os resultados poderão ter implicações de longo alcance para outras situações que exigem tomada de decisão complexa, como na política externa ou no tratamento médico.

Ao contrário do xadrez ou damas, no poker, um jogador nem sempre sabe os últimos movimentos dos outros jogadores. Além disso, um jogador pode ganhar uma mão quando os outros jogadores fazem fold. Portanto, em termos matemáticos, o jogo tem informação imperfeita.

"O xadrez tem uma solução perfeita - a resposta para uma determinada posição é uma vitória para preto, uma vitória para branco ou um empate", disse Bowling. "O Poker é mais probabilístico". Por outras palavras, não há nenhuma mão ou estratégia absolutamente perfeita.

Como funciona


Na versão de Poker que o computador jogou as apostas entre dois jogadores eram fixas e o número de "raises", ou apostas, foi limitado. A cada jogador são dadas duas cartas, chamadas cartas de mão. Segue-se a rodada de apostas, conhecido como "pre-flop".

Depois, mais três cartas são colocadas em cima da mesa, chamada de "flop". O flop é um conjunto de cartas comuns, viradas para cima, de modo que ambos os jogadores sabem quais são. Outra rodada de apostas segue-se, e em seguida, uma quarta carta é colocada sobre a mesa, o chamado "turn".

Depois de uma terceira rodada de apostas, a última carta comum é colocada na mesa, naquilo que é conhecido como "river", e, nesse ponto, os jogadores têm de mostrar as suas cartas, assumindo que um jogador ainda não desistiu, ou fez "fold".

O computador não calcula cada mão possível ao jogar. Em vez disso, ele constrói uma tabela de resultados antes do jogo começar. Usando cerca de 4.000 unidades de processamento central durante dois meses - igual a cerca de 1.000 anos de tempo de computação - simulando bilhões de mãos de poker.

A tabela de resultados ocupou cerca de 15 terabytes de armazenamento em computador, disse Bowling. Para efeito de comparação, uma unidade de backup típica para um ambiente de trabalho é um terabyte.

O algoritmo passa por todas as possíveis mãos que um jogador adversário pode ter, e, em seguida, regista os resultados para cada tática - por exemplo, raise, fold ou call da aposta. Para se ter uma idéia de quão grande a tarefa é, existem 13,8 trilhões de situações que podem surgir no jogo.

Para chegar lá, cada ser humano na Terra teria que jogar quase 4.000 mãos de poker. Isso é diferente do xadrez, em que um computador pode calcular os movimentos enquanto o jogo progride para obter um resultado que é bom o suficiente para vencer.

Mas o algoritmo tem limitações. Por um lado, ele só funciona com jogos de duas mãos. Num jogo de três jogadores, é possível que um jogador possa ter uma estratégia terrível e perder menos do que o segundo jogador, que tem uma melhor estratégia, resultando em uma vitória para o terceiro jogador.

Outro problema é descobrir como testar jogos de três jogadores de forma justa. Um experimento poderia ter dois seres humanos jogando na máquina, mas Bowling disse que os jogadores humanos podem conspirar contra a máquina, mesmo que involuntariamente.

Problemas semelhantes podem surgir em experimentos com dois jogadores de máquina e um ser humano: Mesmo se os dois programas não conspirarem, pode parecer isso para um ser humano. "Nós não sabemos como fazê-lo de forma justa", disse ele.

Para Bowling, esta tecnologia pode ter diversos usos, que vão desde a segurança nacional, para rastrear a evasão de tarifas em sistemas de trânsito, até à tomada de decisões sobre o tratamento médico, ajudando o médico a tomar uma decisão sobre um tratamento sem ter certeza dos resultados.

Os métodos utilizados no programa de poker poderiam ajudar os médicos a identificar opções de tratamento com ótimos resultados, ou com a melhor probabilidade de sucesso. A pesquisa foi descrita on-line a 8 de janeiro na revista Science. [Livescience]
PARTILHE
loading...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Enviar um comentário