NASA confirma que há um oceano em Ganimedes, lua de Júpiter

NASA confirma que há um oceano em Ganimedes, lua de Júpiter

Em Ganimedes, a maior lua de Júpiter, existe um enorme oceano salgado, descobriram cientistas usando o Telescópio Espacial Hubble, da NASA.


O oceano em Ganimedes - que está enterrado sob uma grossa crosta de gelo - pode abrigar mais água do que toda a água presente na superfície da Terra.

Os cientistas acreditam que o oceano tem cerca de 100 quilómetros de espessura, 10 vezes a profundidade dos oceanos da Terra, acrescenta a NASA.

A nova descoberta do telescópio espacial Hubble também poderá ajudar os cientistas a aprender mais sobre a infinidade de mundos que poderão ter água no sistema solar e mais além. Os cientistas estão particularmente interessados ​​em aprender mais sobre mundos com água porque a vida como a conhecemos depende da água para prosperar.

Os cientistas também descobriram que a superfície de Ganimedes mostra sinais de alagamento. Alguns locais de Ganimedes podem ter sido formados por água borbulhando do interior da lua através falhas ou crio vulcões durante a história da Lua. Os cientistas já suspeitavam que havia um oceano de água líquida em Ganimedes - a maior lua do sistema solar, com cerca de 5.268 km.

A sonda Galileo mediu o campo magnético de Ganímedes, em 2002, fornecendo alguns dados que sustentam a teoria de que a lua tinha um oceano. As provas recém-anunciadas do telescópio Hubble são os dados mais convincentes que apoiam a teoria do oceano na subsuperfície, afirma a NASA. Agora, as luas de Júpiter são alvos populares para futuras missões espaciais.

A Agência Espacial Europeia está a planear enviar uma sonda chamada JUICE - abreviação de Jupiter Icy Explorer - a Júpiter e às suas luas em 2022. Espera-se que JUICE visite as luas Europa, Calisto e Ganimedes durante a sua missão. A NASA também está de olho no sistema de Júpiter, pretendendo enviar uma sonda a Europa em meados da década de 2020. [Space]
PARTILHE
loading...
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários: